as minas estão chegando na cena do rap nacional das ruas de Maceio NORDES'TI'NAMENTE
é o nordeste chegado para fica no movimento hip-hop nacional e de alagoas as minas LADY RAP E PYLL

http://www.4shared.com/file/97228337/cea1056d/NORDESTINAMENTE_-_no_te_quero_mais.html

Rapper nega candidatura já nas próximas eleições, mas deixa aberta a possibilidade de seu envolvimento com a política.

Conhecido em todo país, está mais uma vez no centro das atenções. A expectativa para que se candidate nas eleições de 2010 já tem mobilizado possíveis eleitores, que criaram um blog para “ajudar” o rapper a se decidir. O blog já tem depoimentos de figuras importantes, como o cineasta Cacá Diegues, em apoio à candidatura de Bill.

Toda essa movimentação começou quando Caetano Veloso “lançou” a candidatura o rapper ao senado, durante um show que faziam juntos. A declaração do mano Caetano provocou um grande burburinho e virou pretexto para que a Cufa - Central Única de Favelas encomendasse uma pesquisa, na qual se verificou que 37% dos jovens do Estado do Rio votariam em Bill.

O Blog das Ruas conversou com MV Bill sobre o assunto. Admite que “esse é o assunto de todas as rodas”, embora negue disputar as próximas eleições - “nunca passou pela minha cabeça ser candidato a alguma coisa”. Ainda assim, Bill dá a entender que esta não é uma possibilidade remota. Garante, inclusive, que, caso saia candidato, “vai ser para senador”.

Durante a entrevista, o cantor dá algumas “deixas” que animariam seus cabos eleitorais. “Tudo isso pra mim é muito novo. Sei que não vou cantar rap a vida inteira” ou “se um dia eu fosse obrigado a ser candidato” dão a entender que ele considera a possibilidade, apesar de suas negativas.

Uma declaração, porém, parece ser mais significativa que as outras. Comentando os resultados da pesquisa encomendada pela Cufa, Bill escorrega: “se eu for convencido a fazer parte dessa outra história”. Paira, então, a dúvida: quais seriam os argumentos necessários a convencê-lo?

Articulado, MV Bill demonstra ter uma visão sem preconceitos da política e a reconhece como o “caminho democrático que nos leva para outros lugares”.

Conta, embora não cite nomes, já haver conhecidos vários Mensageiros da Verdade (significado do MV) na política nacional.

Afirma que já tomou “muita porrada” e foi taxado de bandido e não identifica no atual contexto nenhum político que seja representante legítimo das favelas. Entretanto, prefere também não assumir esse posto: “se um dia eu fosse obrigado a ser candidato seria em nome das pontes”, diz.

Confira a entrevisa.

Você cogita sair candidato nas próximas eleições?

Não, nunca passou pela minha cabeça ser candidato a alguma coisa, mas isso sempre esteve presente na cabeça das pessoas, elas diziam que eu deveria militar em outras frentes, mesmo que fossem partidos, nem que fosse no futuro. Diziam e ainda dizem que minha contribuição no movimento social é importante, mas que me credencia a ser representante de parte delas em outros lugares. Se paramos para refletir, isso faz muito sentido. Se têm razão ou não, ainda tenho dúvidas. O fato é que o tempo tá passando e vamos amadurecendo.

O Rap é importante, o movimento social, negro, de juventude e todos os outros. Mas penso que parte de nós devemos estar sim, na política formal, marcando posições sérias e representando e levando os objetivos de um determinado seguimento da sociedade para as mesas de decisão. Só que hoje conseguimos falar para uma massa maior, não somente para a favela. Hoje o projeto não é dar voz a favela, mas é criar pontes de mão dupla entre a favela e o asfalto e nessa direção é que acredito que a nova revolução pode ser possível.

Peça produzida pelo movimento que deseja a candidatura do rapper

Peça produzida pelo movimento que deseja a candidatura do rapper

Tudo isso pra mim é muito novo. Sei que não vou cantar rap a vida inteira. Através do rap conseguimos mudar a vida de muitos jovens, mas é pouco, precisamos continuar trabalhando para mudar a vida de todas as pessoas, de todos os lugares.

As pessoas estão pedindo que você se candidate…

Tenho visto várias manifestações e mesmo na rua, as pessoas me abordando e pedindo para eu ser candidato ao senado federal, como se eu fosse salvação para alguma coisa. Não sou, sou apenas mais um louco que tenta contribuir para diminuir esse caos social que está afetando a todos. E exatamente por isso precisamos ter na política formal pessoas de sérias de outras origens, para termos equilíbrio social também na política. Pois essa seria uma outra forma de formalizar políticas públicas para uma parcela da sociedade que não tem representantes e daí o que é feito para elas é, penso, por cidadãos estranhos.

Mas garanto que se por ventura eu me candidatar a alguma coisa, o que acho difícil, vai ser para senador, pois tão importante quanto ter um mandato majoritário é a juventude brasileira marcar uma posição nacional e dizer que não quer mais servir de massa de manobra.

Nesse aspecto, essa candidatura estaria acima dos partidos e de ideologias, mas estaria focada na vontade de uma juventude dizer que esse mandato é nosso, comprometido não com a favela, mas com todos os jovens desse país que desejam sair da invisibilidade para então construir alternativas reais para todos.

Só não sei ainda quem seria o agente dessa missão. E por isso que eu digo, essa pessoa e esse mandato não deve sequer ter plataforma e propostas. A única proposta deve ser guiar os próximos oito anos ouvindo e executando os anseios da juventude brasileira. E, na boa, isso não acontece em estado nenhum… Isso me entristece, e isso me anima.

Caso saísse candidato, qual seria o partido de sua preferência?

Não penso nisso hoje. O Celso mandou fazer uma pesquisa, e nessa pesquisa o PT era o partido mais citado, e a maioria das pessoas preferem que eu seja deputado e não senador.

Eu não entendo nada de pesquisa, mas de toda maneira as pessoas pesquisadas diziam que votariam em mim independente do cargo escolhido. O mais importante de tudo isso é saber que as pessoas reconhecem em nosso trabalho algo que vai muito além de rimas e canto afinado. As pessoas nos reconhecem como militantes de um movimento que é politizado por excelência. Nos reconhecem como alguém que tem se esforçado para fazer diferença, para construir vidas.

E é o que estamos tentando fazer ao longo desses anos. Seria muito fácil ter uma frase para dizer o que eu faria, mas prefiro continuar fazendo o que estou fazendo, militando na base social e impactando sem alardes.
"Já tomei muita porrada e já fui taxado de bandido"

"Já tomei muita porrada e já fui taxado de bandido"

Acha que conseguiria lidar com as pressões e acordos que fazem parte do cotidiano da política nacional?

Faço parte do movimento social e de tantos outros movimentos, só chegamos até esse momento exatamente pela capacidade de interagir, de negociar, de sair da favela, de se comunicar com os “outros”. Eu nunca disse que odiava a política, nunca disse que a desejava. Mas sempre disse, e digo, que ela é o caminho democrático que nos leva para outros lugares que também precisamos estar presentes.

Continuar xingando todos os políticos é fácil, mas eles vão continuar dando as cartas e nada vai mudar.

Qual sua posição a respeito da pesquisa encomendada pela Cufa, que indica que você é bastante conhecido da população e que 37% dos jovens o escolheriam como seu candidato?

A primeira coisa que fiz foi ligar para o Celso e pedir para Cufa não se meter nisso. Se o louco do Caetano e agora outras pessoas querem sugerir meu nome, tudo bem, mas a Cufa não, não aceito nenhuma participação da instituição.

Formalmente eu nunca fui da Cufa, não assino nada, meu nome não consta em lugar algum, nunca demiti ou admiti na Cufa. Minha participação sempre foi somente no front, onde eu sempre preferi. Mas ajudei a definir suas regras e uma delas é que se alguém da instituição quiser se aventurar no campo político, a primeira coisa a fazer é se desligar - e somente poderá voltar para a entidade 10 anos depois.

Então, se eu for convencido a fazer parte dessa outra história, eu não apareço em nada da Cufa e a Cufa não vai aparecer em nada que envolva política formal. É muito importante separar as coisas e assim vai ser. Esse é o assunto de todas as rodas hoje, mas de verdade eu não penso ser candidato a coisa nenhuma. Mas isso mostra que a juventude brasileira precisa ser representada por ela mesma e as pessoas parecem que querem isso.

Existem, nas várias esferas de poder, políticos que sejam representantes “legítimos” das favelas, que morem lá e conheçam de perto as questões de seu cotidiano?

Bem, nesse momento eu não lembro de nenhum, mas se um dia eu fosse obrigado a ser candidato seria em nome das pontes, eu seria em nome de alguém que transita em várias vertentes sociais e que já tomou muita porrada, que já foi taxado de bandido, que responde a processos mas que nunca pensou em desistir do caminho escolhido.

Muito mais importante do que ser representante de um grupo nesse caso, é ser porta-voz de uma gente que vai demandar todos os dias seus sonhos, suas frustrações e suas fantasias. Nesse caso é melhor estar preparado para o que vem aí pela frente e esquecer os discursos ensaiados, pois se as pessoas pensam em mim, a razão é essa, elas estão cansadas de discursos, querem viver no mundo real e prático.

Acha que existem Mensageiros da Verdade na política?

Sim, muitos. São pontos de vista deferentes de verdades diferentes, mas existem sim, e muitos. Não gostaria de falar os que lembro agora para não ser injusto com ninguém, mas certamente tenho conhecido muitas pessoas sérias nesses últimos anos. Mas a questão não está somente na seriedade, mas no compromisso. Estas pessoas têm compromissos com outras questões e grupos, apesar do coração enorme que elas têm.

Na sua opinião, qual seria hoje o maior problema do Brasil e, mais particularmente, do Rio de Janeiro?

Corrupção. Esse é o mal que permite a proliferação de todos os outros males. Tudo é possível a partir dela.

Você tem um histórico de atuação política, ainda que não partidária, através do hip hop, do envolvimento com a CUFA (que ajudou a fundar) e de seus filmes e livros. Acha que toda figura pública deveria ter esse tipo de compromisso? Conversa sobre isso com colegas artistas?

Não necessariamente. Arte é arte, e deve se manifestar de várias formas. Cada artista tem sua missão, sua forma de contribuir com a sociedade através da sua arte. O Hip Hop é assim, faz política por convicção, o que está acontecendo é que temos a oportunidade de pautar outras formas de atuação do Hip Hop agora, na política formal. Mas a política pra nós é a essência do nosso movimento. Mas não critico os artistas cuja forma de expressão seja o entretenimento.

Qual foi o ponto de virada em sua vida? Qual foi o momento em que você percebeu que teria que assumir outras responsabilidades e dedicar parte de sua vida a um trabalho social?

Minha vida vira a todo momento. Não é poesia não. Ela virou quando meus pais se separaram e eu tive que assumir a casa, trabalhando de marreco da sendas, virou quando eu resolvi fazer rap, virou quando eu conheci o Celso, depois quando eu gravei um disco, depois quando lancei o clipe Soldado do Morro. Bem, a virada mesmo acho que foi aqui, quando tive a casa sendo invadida pela policia civil e federal e, a partir daí, só houve problemas e confusão. Então resolvi surfar no olho do furacão. Trabalhar na vida social não foi uma escolha nem uma paixão, é simplesmente a minha vida cotidiana.
MV Bill esteve recentemente no Haiti

MV Bill esteve recentemente no Haiti

Como é viver até hoje na Cidade de Deus?

Nasci aqui e tenho trabalho aqui na Cufa e tenho meus grandes amigos aqui. Não sou escravo de discurso, vou sair da CDD quando achar que devo sair, ou então vou comprar um imóvel em outro lugar e viver nos dois lugares. Mas a Cidade de Deus é minha vida, onde vive minha família, onde eu sou mais feliz.

Há momentos em que tem vontade de se mudar?

Sim, todos os dias. Só que eu sei que isso vai acontecer onde eu estiver. Então, quando tô boladão, deixo a vontade passar.

E o que te faz continuar morando lá?

Tenho 50 respostas para essa pergunta, mas não estou convencido de nenhuma delas, então vou ficar te devendo essa.

Você acabou de voltar de uma viagem ao Haiti. O que mais te chamou atenção naquele país?

O sorriso das crianças, elas parecem não ter idéia do tamanho da desgraça que eles estão vivendo que possivelmente vão viver.

"Queria abraçar cada soldado (da missão brasileira no Haiti) e seus familiares"

MV Bill: "Queria abraçar cada soldado (da missão brasileira no Haiti) e seus familiares"

É possível fazer uma avaliação da missão das Nações Unidas (comandada pelo Brasil) lá?

Eu precisaria de mais tempo pra isso, mas a missão passou a ser um orgulho pra mim. Enquanto as pessoas aqui ficam tentando desqualificar a missão, deveriam prestar mais atenção no impacto positivo que eles causam lá.

Eu tive contato com o povo nas ruas, nas casas. Existem lá mais de 10 países, seja construindo hospitais, estradas, poços artesianos, formando policiais, distribuindo alimentos, formando profissionais. Enfim, não existe ocupação no Haiti, existe uma profunda intervenção inevitável.

E, como negro hoje, tenho dois orgulhos: por ver que a ONU não virou as costas para aquela gente e por ver meu país, através das forças armadas (que eu sempre vi com reservas devido a herança do regime militar) ser reconhecido pelo povo fudido do Haiti. Queria abraçar cada soldado e seus familiares. Não quero perder capacidade de criticar, mas não posso ignorar o orgulho que senti por tudo que vi





Fonte: http://iurirubim.blog.terra.com.br



Rádio Rap da Hora

Esta é uma Rádio Virtual que já está contando com a participação de alguns colaboradores...

*Dee Jay Bi0fA--> fundador da rádio, que apresenta Seg-Quarta-Sexta Só Nacional 19hs & Terça-Quinta 19hs Rap Paraná.

E as outras progamações ...

*Déia /SC -> Terça-Quinta 22 ás24hs Conexão Sonora.

*Eibe -> Terça-Quinta 21hs ao vivo.

*MCO -> Seg-Quarta-Sexta 21hs Hip-Hop Black Beats.

*Dj Virtual -> Terças 20hs

As terça old school as quinta breaK 20hs

Em junho lançamento do portal Rádio Rap da Hora e a festa será no El Mago no Centro de Curirtiba.

Uma grande equipe que trabalha junta para manter os ouvintes em grande conexão com o melhor do RAP Nacional!!!

Visite o site e ~>Vem Curtir Com Nóis www.rapdahora.com

Contatos:
wwwrapdahora@hotmail.com
biofa30@hotmail.com
deiarapdahora@hotmail.com
FACINORA MC'S EM SÃO PAULO DIA 11 AGORA, APRESENTAÇÃO ÚNICA E EXCLUSIVA!!!


FACINORA MC´s

Já fez sucesso com o primeiro CD
~> Réu Primário

ATUAL FORMAÇÃO --> Eduardo, Ricardo, Falange, Dee Jay Bi0fA e Pepeu (backing vocal)

->> Formado em 1997 ja tocaram com grupos de renome nacional e internacional como Cirurgia Moral, Face da Morte, Facção Central, Racionais mc´s, Realidade Cruel, Consciencia Humana, Viela 17, Gog e ESQUISSE da França.

Já ganharão prêmios como: Melhor grupo de rap, Melhor CD na primeira premiação 5 elementos, com duas edição na Revista RAP BRASIL e atualmente lançaram já o seu segundo CD com musicas que fizeram sucesso:

*Sem Paz, Periferia, Reicidente remix, entre outras...

"Em Tempos De Morte As Lágrimas São De Sangue "
Possui letras contundentes e pesadas, fundindo - se ao gangsta rap com letras realistas. Com musicas critícas e extremamente ideológicas. Conta com a participação de renome no rap nacional como Realidade Cruel, Mandrak Horus, Davi Black, entre outros.

Aguardem...
Logo terá o lançamento do 3º trabalho deste grupo... Em estúdio já a construção deste novo álbum!!!


Caravana do Terror!
(Curitiba-PR =>> São Paulo-SP)

É isso ai Galera de São Paulo a Caravana do Terror não para.

Próxima parada Quadra da Peruche para Lançamento da revista RAP NACIONAL CASA VERDE – SP capital!

PARTICIPAÇÕES...

Mano Brown, DEXTER, Douglas, GOG, KL JAY, EDY ROCK, THAIDE, RAPIN HO
OD, Moyses (Solo), Tribunal Mc’s e muito mais!

E ainda na festa FACINORA MC'S, Diretamente de C.W.B. - Paraná...

E MAIS: Gravação de cenas para o DVD do Dexter!!!

Quem éh de Curitiba e quiser vim com nóis é o seguinte ~>> Ingresso 1° lote: R$10,00 (Primeiro Lote Limitado) Valor transporte ida e volta (Saindo de Curitiba) com ingresso: R$75,00... esse valor para ingresso do 1° lote!
Outros valores após o termino dos ingressos 1º lote Saída dia 10/04(sexta feira) ás 23:45h EM FRENTE A PREFEITURA – CENTRO CÍVICO.. VEM COM NÓIS! NÃO FIQUE DE FORA DESSA FESTA MONSTRUOSA, OPORTUNIDADE ÚNICA! REALMENTE IMPERDIVEL...


INFORMAÇÕES:
Firma do Rap MSN: firmadorap@msn.com
Bruno MSN: brunowc@gmail.com REALIZAÇÃO: FIRMA DO RAP & BAGDA RAP




O grupo de Rap da região metropolitana de Curitiba -->"Plena Atitude" na abertura do show do Realidade Cruel.

Grupo com mais de 10 anos de correria representa o rap Nacional.

Integrantes: Emi-dê, JL, Dj Dex e N.I.C.A.M.

Fizeram uma grande apresentação e o público acompanhou com as música na ponta da língua.

E uma notícia de primeira mão...

O Rapper N.I.C.A.M. agora esta com um novo trabalho, solo vem trabalhando em algumas músicas com contexto Gangsta.
Foi sua ultima apresentação com o grupo "Plena Atitude" e logo lançará seu primeiro CD.

Logo vocês poderão acompanhar algumas músicas no Myspace.

Realidade Cruel - CWB



Então galera do Blog!
O show do Realidade Cruel tava da hora... um show que durou das 11:00 da noite até as 06:00 da manhã!!!
Sóh quem éh ficou até o fim mesmo.


Abertura do Show com os grupos de Curitiba
--> Plena Atitude; Facínora Mc's; Rota Oeste; Notas de Honrra; Ritmo Negro; Suicidio Lento; Criatividade Verbal... e sorteio de muitos brindes!!!

O Bang foi loko...

Um show pra ninguém colocar defeito!

Realidade Cruel cantou várias músicas conhecidas, e é claro a galera de Curitiba cantando junto.

THAIDE É O NOVO APRESENTADOR DO MANOS E MINAS


ja esta gravado o primeiro programa mano e mina com o rapper THAIDE depois que rapper hoode saiu do programa

MIX TAPE VIRTUAL HIP-HOP NO AR vol.3




http://www.4shared.com/file/96906961/18d0eef/MIXTAPE_VIRTUAL_HIP-HOP_NO_AR_VOL3.html





JA ESTAMOS FAZENDO A MIXTAPE VIRTUAL HIP-HOP NO AR VOL.4 OS GRUPO QUE QUINZE MANDA O SEU TRABALHO É SÓ ENTRA EM
CONTATO:hiphopnoar2008@hotmail.com
MSN:luter3d@hotmail.com
← Anterior Proxima → Inicio

Seguidores

Teste Teste Teste Teste

Com tecnologia do Blogger.

About me

luter3d@hotmail.com
hiphopnoar2008@hotmail.com


CONTATOS

CONTATOS
CONTATOS: luter3d@hotmail.com Luter

Formulário de contato

Nome

Email *

Mensagem *

Google+ Followers

Total de visualizações

Doggueto Original Hip Hop Wear

Doggueto Original Hip Hop Wear
Não simplemente uma logomarca mais sim uma forma inovadora de vestir o público jovem ................................ CLIQUE NA IMAGEM E CONFIRA

Visualizações

Archives

SUBURBANO CONVICTO

SUBURBANO CONVICTO
Livraria Suburbano Convicto * Especializada em Literatura Marginal Rua 13 de Maio, 70 - 2o and - Bixiga São Paulo - SP - CEP: 01327-000 (11) 2569-9151 www.livrariasuburbanoconvicto.blogspot.com suburbanoconvicto@hotmail.com * De segunda à sexta, das 10h às 19h

Minha lista de blogs

Translate

Teste Teste Teste Teste

NOTÍCIAS DE ÚLTIMA HORA

Popular Posts

Teste Teste Teste Teste


contador gratis

Flickr Images

Pages - Menu